Mars lança nova estratégia de sustentabilidade para o cacau

terça-feira, 25 setembro 2018 16:31

A Mars Wrigley Confectionery, fabricante de chocolate há mais de 100 anos e uma das maiores compradoras de cacau do mundo, lançou recentemente um novo plano para reformular a sua cadeia de abastecimento desta matéria-prima: o “Cocoa for Generations”.

Este plano, que coloca os interesses do pequeno agricultor no centro, cria um caminho para que os produtores de cacau e as comunidades prosperem. Com base num investimento de 1 milhão de euros em 10 anos, o plano é dinamizado no âmbito do Sustainable in a Generation Plan.

Os passos estabelecidos neste documento fundamentam-se em dois pilares estratégicos: “Responsible Cocoa Today” e “Sustainable Cocoa Tomorrow”.

No que diz respeito ao primeiro pilar, a Mars pretende obter, até 2025, 100% do seu cacau do “Responsible Cocoa”, um programa que prevê que sejam contemplados sistemas de resposta à desflorestação, trabalho infantil e que garanta maiores rendimentos para os agricultores.

Grosso modo, a nova abordagem da Mars para o cacau vai além do atual nível de padrões e práticas de certificação e é uma mudança radical em relação ao compromisso inicial da multinacional em 2009.

Através do segundo pilar, “Sustainable Cocoa Tomorrow”, a Mars espera demonstrar que é possível uma mudança radical nos rendimentos e na subsistência dos agricultores. Por exemplo, em parceria com um grupo global inicial de 75.000 famílias produtoras de cacau e fornecedores, a Mars planeia testar formas de aumentar a produtividade, o rendimento, a resiliência e a sustentabilidade global através de uma maior diversificação a diversos níveis.

Sobre este plano John Ament, global vice president – cocoa da Mars Wrigley Confectionery explica que, embora a Mars tenha feito grandes progressos, contando já com de mais de 40 anos de conhecimento, deseja fazer muito mais. O responsável realça que “planeamos inspirar os outros e trabalhar juntos para assegurar o cumprimento do Cocoa for Generations”.

Mars lança nova estratégia de sustentabilidade para o cacau